Corredor Expresso Tiradentes - SP

 

   Dentro do cronograma de nossa viagem a São Paulo, para visita a 2° VVR, como de praxe, teríamos nosso City Tour. Só não esperávamos por uma surpresa tão especial proporcionada por nosso amigo e busólogo paulista Douglas de Cezare...   

 

Nosso City Tour estava previsto pra duas paradas e uma delas era justamente o Parque D. Pedro, terminal onde poderemos sempre encontrar ônibus os mais diversas empresas e regiões da capital paulista... Com previsão de partida às 14:00hs, todos os participantes se encaminharam para veículo gentilmente cedido pela Expresso Redenção, estacionado na parte externa do memorial da América Latina. Antes da nossa saída, informamos que tínhamos uma surpresa a todos, que era a visita ao Complexo do Corredor Expresso Tiradentes.

 Todos gostaram muito, e se  animaram por poder andar pela primeira vez um um Ônibus Elétrico Híbrido, que era justamente o veículo reservado antecipadamente para o nosso percurso. Logo que chegamos ao Expresso Tiradentes, fomos recebidos pela assessora de Imprensa da SP Trans, Sra. Cilene Cabral que nos conduziu a uma sala fechada e nos apresentou rapidamente o processo de funcionamento do Corredor... Fomos apresentados em seguida ao gerente  Operacional, Sr. Wagner Chagas, que nos informou sobre mais detalhes do projeto do Corredor...

 

 
Pudemos ver que o terminal hoje, tem um  percurso inicial entre o Terminal Mercado e o Terminal Sacomã, passando por 9 estações de embarque, fazendo com isso que um percurso que levava cerca de 1 hora tenha sido reduzido para 13 minutos. Quase demolida pela administração do então prefeito José Serra, sua administração  optou por reutilizar toda a estrutura abandonada o VLP de São Paulo para a construção de um novo corredor de ônibus que ligará o Parque  com Pedro II aos bairros do Sacomã e Cidade Tiradentes.

O sistema será composto por duas linhas. A Linha 1, que ligará que ligará o Parque  com Pedro II ao Sacomã, fará uso de toda a antiga estrutura do VLP de São Paulo inclusive os projetos de suas estações com algumas alterações como a criação de pontos de ultrapassagem. A Linha 2, que ligará o Parque Dom Pedro II á Cidade Tiradentes, fez-se uso do projeto para a segunda linha do Paulistão que ligaria o Parque Dom Pedro II á São Mateus com a criação de uma extensão até o bairro de Cidade Tiradentes.
 

 
Depois de uma explanação detalhada do Gerente Operacional, Wagner Chagas, que passou inclusive pela visitação a sala de controle, fomos conduzidos a um Ônibus Elétrico Hibrido, Marcopolo Gran Viale, da Via Sul, empresa que opera o Sistema... Nosso Ônibus, por ser exclusivo e estar num trajeto de demonstração estava parado na pista 3, do Terminal Mercado. Nosso trajeto até o Terminal Sacomã foi feito em pouco mais de 12 minutos e tivemos um batedor  nos acompanhando todo o tempo, pois nosso veículo não parava nas estações...

O sistema alcança velocidade máxima de 50km/h, mas a velocidade media é de 36km/h. Desenvolvido com pistas estreitas, o sistema tem diversos pontos de escape e ainda conta com veículos reserva e carros de apoio durante todo o funcionamento... Ao chegar ao Terminal Sacomã, descemos para conhecer a operação deste. Sempre com a presença do Sr. Wagner Chagas, de Cilene Cabral, e ainda de uma fotógrafa que nos acompanhava todo o tempo, descemos para conhecer a parte do terminal de ônibus convencionais, onde nos foi disponibilizado um tempo para fotos...

 

Demos a volta em todo o Terminal, vendo que existe uma estrutura de lojas e espaços para promover atividades cultuais no local. De volta ao nosso veículo elétrico hibrido, retornamos ao Terminal Mercado. Durante o percurso, os busólogos cariocas se deliciaram fotografando e filmando tudo que podiam...

 

Composto apenas por Ônibus Elétrico Híbrido e aarticulado, o que mais impressiona no Sistema não é só a rapidez, mas também a limpeza e higiene com que são administrados os veículos e estações, a segurança, onde câmeras controlam tudo, enfim, a toda a tecnologia implantada para administrar todo o Sistema. Temos que admitir que este Complexo, da maneira que foi gerido e como esta sendo conduzido, é uma exemplo de referência para a situação dos transportes nas grandes cidades brasileiras. 

Chegando ao Terminal Mercado, já não tínhamos tempo disponível para passagem por outros terminais e decidimos então retornar para o fechamento da 2°VVR.

Agradecemos ao Sr. Wagner Chagas, a Sra. Cilene Cabral e toda a Equipe, pela extrema atenção dispensada aos participantes do City Tour e esperamos que o Corredor Expresso Tiradentes possa continuar sempre servindo de exemplo para demais cidades brasileiras. 

Agradecemos também ao amigo Douglas de Cezare, que nos proporcionou esta experiência incrível...

 

Veja alguns vídeos desta visita ao Expresso Tiradentes
EXPRESSO TIRADENTES - CAIO MONDEGO HA - 5 2506
EXPRESSO TIRADENTES - CAIO MONDEGO HA - 5 2508
EXPRESSO TIRADENTES - CAIO MONDEGO HA - 5 2515
EXPRESSO TIRADENTES - CAIO MONDEGO HA - EXTENSÃO 1
EXPRESSO TIRADENTES - CAIO MONDEGO HA - EXTENSÃO LATERAL
CAIO MONDEGO HA - 5 2535 - TERMINAL SACOMÃ

Que isto seja apenas a continuidade necessária para muitos outros momentos semelhantes a este possam ocorrer...
 
Sydney Junior

Click na foto abaixo para vê-la maior...

 

VOLTAR PARA A PAGINA INICIAL

 

   

Contador de acessos
Contador de acessos